Microsoft dá adeus ao DOS e ao Windows 95

Quem ainda usa DOS, não deve perder tempo para se atualizar!

Dois importantes marcos da história da informática tiveram suas mortes decretadas neste início de ano: os sistemas operacionais Windows 95 e MS-DOS. Desde 1º de janeiro, a Microsoft não oferece mais suporte técnico aos usuários desses programas e tampouco lançará pacotes corretivos ou trabalhará com empresas parceiras para dispor de novos produtos que rodem neles. (O Estado de S.Paulo – 16/01/03)

Esta notícia vem sendo divulgada na imprensa desde o início do ano e, agora, na última edição da IstoÉ Dinheiro (29/01/03). Ela é um fato e deve levar pessoas e empresas que ainda não migraram de DOS para Windows e de Windows 95 para versões atualizadas a providenciaram-no com urgência, sob pena de amargarem grandes dissabores e prejuízos. A Microsoft não informa qual a porcentagem de seus clientes que ainda usam esses sistemas operacionais antigos.

Na época de seu lançamento, o Windows 95 rodava em micros com processador Pentium 100 MHz ou pouco superior, que em pouquíssimos casos ainda são usados. Quem ainda utiliza o Win95 deixa de ter assistência técnica por telefone e e-mail, mas poderá continuar a consultar a base de dados da empresa (com soluções para vários problemas) no site www.microsoft.com. Tradicionalmente, a Microsoft oferece suporte apenas às últimas duas versões de seus produtos. No caso do Windows 95, três atualizações foram lançadas depois dele: o Windows 98, de 25 de junho de 1998; o Windows Me, de 14 de setembro de 2000, e o Windows XP, de 25 de outubro de 2001 (em média, um sistema operacional novo a cada 24 meses). Segundo a revista, o DOS teve treze versões. A última vez que a Microsoft o trouxe ao mercado foi no lançamento do Windows 95.

Desde então, a companhia de Gates não mais estimulou o desenvolvimento de softwares baseados no pré-histórico sistema operacional. O DOS passou para um segundo plano e as versões seguintes do Windows não o trouxeram mais. “Com a chegada do Windows XP, o DOS foi varrido por completo da memória da Microsoft e de seus produtos. Ficou apenas o suporte para alguns poucos usuários e fornecedores. A decisão do final de dezembro acabou com toda essa estrutura e daqui em diante quem desejar ter algum software baseado em DOS precisará consultar pela internet um museu de dados montado pela Microsoft em seus computadores”, acrescenta IstoÉ Dinheiro.

MICROSOFT DÁ ADEUS AO DOS

Mas a WK Sistemas tem o Radar Empresarial, a solução ideal para quem quer se manter atualizado. Para a tranqüilidade de quem ainda não fez esta migração, a WK Sistemas lançou no mercado, há 3 anos, o Radar Empresarial, um sistema de gestão desenvolvido totalmente em Windows, que utiliza os mais avançados recursos na área de softwares aplicativos integrados, proporcionando agilidade, segurança e confiabilidade, e está à disposição na nossa rede de Revendas.