Dirf 2014 deve ser entregue até 28 de fevereiro

O programa gerador da Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (Dirf) 2014 está disponível no site da Receita Federal, devendo este ser utilizado para apresentação das informações relativas ao ano-calendário 2013, bem como das informações relativas a 2014, nos casos de extinção de pessoa jurídica decorrente de liquidação, incorporação, fusão ou cisão total, e nos casos de pessoas físicas que saírem definitivamente do país e de encerramento de espólio.

A Dirf é preenchida pela fonte pagadora, que deve informar à Receita Federal o valor do Imposto de Renda e as contribuições retidas na fonte, os rendimentos pagos ou creditados aos trabalhadores no ano anterior.

A Dirf 2014 deverá ser entregue até às 23h59min59s (vinte e três horas, cinquenta e nove minutos e cinquenta e nove segundos), horário de Brasília, de 28 de fevereiro de 2014.
 
Acesse o site da Receita Federal e obtenha informações detalhadas sobre:

  • Programa Gerador da Declaração – PGD Dirf 2014;
  • Instrução Normativa RFB nº 1.406, de 23 de outubro de 2013;
  • Leiaute do arquivo da declaração – Dirf 2014;
  • Perguntas e Respostas – Dirf 2014. 

SOLUÇÕES WK
O Radar Folha permite gerar arquivo para importação no programa gerador da DIRF contendo informações de valores pagos ao trabalhador com vínculo empregatício e a terceiros que prestaram serviço à empresa, atendendo as determinações da Receita Federal, bem como apresentar os valores retidos de previdência e Imposto de Renda. Neste arquivo também são geradas informações de Pensão Alimentícia e Plano de Saúde de cada empregado. Todas as informações para geração deste arquivo são provenientes do Cadastro do Empregado e Folhas Calculadas no ano calendário.

O Radar Financeiro disponibiliza a exportação para DIRF com informações de valores do Imposto de Renda Retido na Fonte e dos rendimentos pagos ou creditados, da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido, da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS) e da Contribuição para o PIS/Pasep retidas sobre os pagamentos efetuados por serviços tomados, passíveis destas retenções. Todas as informações geradas no arquivo podem ser conferidas através do relatório “Demonstrativo de Retenções para DIRF”, que demonstra as retenções feitas de cada fornecedor prestador de serviços referente a impostos e contribuições federais, IRRF e PCC (PIS, Cofins e CSLL), esclarecendo sua origem (nota fiscal ou pagamento realizado pelo serviço tomado).