Ambiente de testes do eSocial é liberado para as empresas

De acordo com o último cronograma liberado, a utilização obrigatória do eSocial começa em 1º de janeiro de 2018. Porém, o Comitê Gestor do programa decidiu liberar um ambiente de testes do eSocial, ainda em 2017, para as empresas se adaptarem ao sistema e ajudarem o governo a verificar possíveis falhas e necessidade de aperfeiçoamento. A iniciativa faz parte de uma etapa de preparação para o início do uso do eSocial para todos os empregadores do país.

Conforme a resolução do comitê, o acesso ao ambiente ocorre em duas etapas. Primeiro, participaram as empresas de tecnologia da informação, que além de terem a oportunidade de ajustarem e validarem seus softwares antes do início oficial da obrigatoriedade, puderam sugerir melhoramentos técnicos à plataforma. Depois, a partir de 1º de agosto, testam o eSocial todas as outras empresas e profissionais que vão usar diretamente o sistema.

Essa divisão foi feita devido à capacidade restrita do ambiente de testes, cuja utilização precisa ser feita de forma controlada. Para auxiliar no período de testes, foi disponibilizado um canal de comunicação com a equipe de suporte do eSocial, no qual podem ser reportadas as ocorrências registradas.

Qualificação cadastral

Somado ao fato de poder testar o sistema do eSocial antes da implantação oficial, é importante também cuidar de outros detalhes que envolvem a obrigatoriedade. Um deles é a qualificação cadastral, um processo na qual as empresas precisam validar os dados cadastrais de todos os empregados com ou sem vínculo. E para que tudo isso? Porque na data de início do eSocial, elas devem enviar ao Fisco os arquivos dos trabalhadores, pois eles servirão de base para a construção do Registro de Eventos Trabalhista.

A princípio, pode ser usado o cadastro do NIS para validar parte das informações. Contudo, o mais indicado é automatizar o processo dentro da empresa usando um software especializado, como o ERP Radar Empresarial, da WK Sistemas.

Para facilitar ainda mais esta ação, elaboramos o formulário de atualização cadastral, que é disponibilizado gratuitamente. Ele deve ser entregue ao empregado, que precisa preenchê-lo para atualizar os dados junto ao sistema. Depois, a ferramenta gera o arquivo de qualificação cadastral e indica se o trabalhador está validado na base do CNIS. Caso tenha alguma inconsistência, o sistema apresentará orientações de como fazer a correção, pois o eSocial vai bloquear informações inexatas na identificação dos trabalhadores.

Com as soluções WK, além de fazer a qualificação cadastral corretamente, você ainda fica preparado para todas as demandas do eSocial.

A importância do eSocial

É sempre importante lembrar que o eSocial é um programa inovador que traz benefícios tanto para o setor empresarial, com a redução da burocracia e do ganho de produtividade, como para a classe trabalhadora, que tem seus direitos assegurados por meio da maior garantia do cumprimento das obrigações trabalhistas e previdenciárias por parte dos empregadores.

O eSocial ainda vai refletir positivamente no poder público, uma vez que facilitará o processo de fiscalização das obrigações fiscais, trabalhistas e previdenciárias pelo cruzamento e verificação dos dados por parte dos órgãos responsáveis.

Também é essencial dizer que a WK Sistemas está aqui para ajudar você a encarar o eSocial da melhor forma possível. Acompanhamos todas as atualizações e novidades e estamos trabalhando em todos os detalhes para deixar o ERP Radar Empresarial pronto para o início da obrigatoriedade.

Continue acompanhando nosso blog e não perca a oportunidade de conferir os outros materiais que estamos preparando sobre o eSocial. E se surgir qualquer dúvida, é só entrar em contato conosco!